Eventos Festival de Cinema — 23 novembro 2011

O 19º Festival Mix Brasil de Cinema da Diversidade Sexual será realizado entre os dias 24 de novembro e 01 de dezembro no Rio de Janeiro.

Com o tema DIVERSIDADE PARA TODOS, o festival ocupará as principais salas de cinema da cidade, como, Estação Sesc Botafogo, Casa de Cultura Laura Alvim, Estação Sesc Rio, Planetário, Cine Gloria, Cine Odeon e ainda Lona Cultural Municipal de Nova Maré e Bangu.

A abertura para convidados será na Estação Sesc Rio, no dia 24 de novembro, com a exibição do longa-metragem francês “Tomboy”, de Céline Sciamma, às 21h. O filme faturou o Teddy Jury Award no Berlin International Film Festival e melhor filme no Torino International Gay & Lesbian Film Festival, em 2011. O filme de abertura retrata a história de uma menina de 10 anos que muda com sua família para um novo bairro e se apresenta aos novos amigos como menino. “Tomboy” levou o premio de Melhor Longa-metragem na edição paulista do Festival Mix Brasil.

O ator François Sagat, protagonista do documentário “Sagat” que será exibido na edição carioca do Mix Brasil e astro do cinema pornô gay, estará nesta sessão especial a convite dos organizadores do Festival. O diretor do longa-metragem “Um Estranho Entre Nós”, Scott Boswell, também marcará presença na abertura. O filme conta a história de Anthony, que muda-se para São Francisco com o namorado Stephen e ao enfrentar problemas no seu relacionamento, vai para as ruas da grande cidade e encontra o misterioso e sedutor Gavin.

O tradicional Show do Gongo exibira produções independentes, que serão submetidas ao júri popular e convidados comandado por Marisa Orth. Os interessados poderão inscrever seus vídeos no balcão de credenciamento durante o festival ou até minutos antes do inicio das gongadas, no dia 28 de novembro, na Sala Baden Powell. As gongadas começam às 21h.

Para a edição carioca do Mix Brasil de Cinema da Diversidade Sexual, os diretores do festival, João Federici e André Fischer, prepararam uma programação especial para o dia 01 de dezembro, Dia Mundial de Combate à AIDS e encerramento do Mix. Nesse dia, os documentários “Estávamos Aqui” que mostra um profundo e reflexivo olhar sobre a chegada da AIDS em São Francisco e “Simplesmente Rob” um retrato de Nova York baseado no poeta e ativista latino Rob Vassilarakis, que foi expulso de casa quando tinha apenas 17 anos, depois da família descobrir sua homosexualidade e em 1993, foi diagnosticado HIV positivo, serão exibidos. E ainda o documentário nacional “Positivas” de Susanna Lira, que tem como principal alvo o estigma em torno da AIDS.

Os filmes da Mostra Competitiva Brasil passarão pelo crivo do júri popular junto com toda a programação do Festival. Serão ao todo quatro Coelhos de Prata que irá premiar o Melhor Curta Nacional, Melhor Curta Estrangeiro, Melhor Longa-metragem e o Melhor Documentário.

O Panorama Internacional, seção do evento dedicada à exibição de novas produções apresenta longas-metragens e documentários que estão circulando em festivais internacionais de cinema e no circuito LGBT. Destaques para Cumbio A história da argentina Agustina relatada no documentário que contará o fenômeno de seu flogger. E também para a comédia política “Próximo Mandato”, longa-metragem sueco de ficção que relata a história de um líder parlamentar que se apaixona por ser opositor político. E ainda “Romeus”, a história de um garoto que se muda para uma cidade grande e se apaixona por um garoto que não revela sua real identidade.

Os destaques do programa Mundo Mix ficam por conta das produções italianas, que faz uma homenagem ao ano da Itália no Brasil. São dois documentários: 365 sem a 377 de Adele Tulli e Augusta de Enzo Facente, todos produzidos em 2011. E ainda longas-metragens como a comédia Diferente de Quem?,de Uberto Carteni, e Na boca do lobo de Pietro Marcello e mais um programa de curtas-metragens.

As esperadas sessões de curtas também estão presentes nesta edição do festival. Na Sexy Boyz, o público poderá conferir as produções com garotos sexys ao lado de Trashorama, a mais tradicional sessão de curtas de humor e esquisitices muito especiais. E ainda Mapa das Minas, que reúne as principais comédias e filmes sensuais numa seleção só sobre garotas.

A programação completa do 19º Festival Mix Brasil de Cinema da Diversidade Sexual já está disponível no site www.mixbrasil.org.br.

Assista a vinheta oficial do 19º Festival Mix Brasil de Cinema da Diversidade Sexual

Share

About Author

deolhonelas

(0) Readers Comments

Comments are closed.


Warning: Parameter 1 to W3_Plugin_TotalCache::ob_callback() expected to be a reference, value given in /home3/soninic1/public_html/deolhonelas/wp-includes/functions.php on line 3509